Aqui estão 5 tipos de virtualização

Empresas de todos os tamanhos estão abraçando a virtualização como uma forma de cortar despesas de TI, aumentar a segurança e aumentar a eficiência operacional. Mas embora as pessoas já estejam conscientes dos seus benefícios, muitas ainda estão no escuro quando se trata dos diferentes tipos de virtualização. Aqui, vamos mostrar alguns dos métodos de virtualização mais comuns e como eles podem ser uma mudança de jogo para o seu negócio.

Virtualização de aplicativos

Este é um processo onde os aplicativos são virtualizados e entregues de um servidor para o dispositivo do usuário final, como laptops, smartphones e tablets. Assim, em vez de entrar em seus computadores no trabalho, os usuários poderão ter acesso ao aplicativo diretamente de seu dispositivo, desde que uma conexão com a Internet esteja disponível. Isto é particularmente popular para empresas que requerem o uso de seus aplicativos em movimento.

Virtualização do desktop

Simples à virtualização de aplicativos mencionada acima, a virtualização do desktop separa o ambiente de desktop do dispositivo físico e configurado como uma “infraestrutura de desktop virtual” (VDI). Uma das maiores vantagens da virtualização de desktop é que os usuários podem acessar todos os seus arquivos pessoais e aplicativos em qualquer PC, o que significa que podem trabalhar de qualquer lugar sem a necessidade de trazer seu computador de trabalho. Também reduz o custo de licenciamento e atualizações de software. A manutenção e o gerenciamento de patches são simples, pois todos os desktops virtuais estão hospedados no mesmo local.

Virtualização de hardware

Talvez o tipo de virtualização mais comum atualmente, a virtualização de hardware é possibilitada por um gerenciador de máquina virtual (VM) chamado de “hypervisor”. O hipervisor cria versões virtuais de computadores e sistemas operacionais e os consolida em um grande servidor físico, para que todos os recursos de hardware possam ser utilizados de forma mais eficiente. Ele também permite aos usuários executar diferentes sistemas operacionais na mesma máquina simultaneamente.

Virtualização de rede

Virtualização de rede combina todos os equipamentos físicos de rede em um único recurso baseado em software. Também divide a largura de banda disponível em múltiplos canais independentes, cada um dos quais pode ser atribuído a servidores e dispositivos em tempo real. As empresas que se beneficiariam da virtualização da rede são aquelas que têm um grande número de usuários e precisam manter seus sistemas em funcionamento o tempo todo. Com os canais distribuídos, a velocidade da sua rede aumentará drasticamente, permitindo-lhe fornecer serviços e aplicações mais rapidamente do que nunca.

Virtualização de armazenamento

Este tipo de virtualização é muito fácil e rentável de implementar, uma vez que envolve a compilação dos seus discos rígidos físicos num único cluster. A virtualização do armazenamento é útil quando se trata de planejar a recuperação de desastres, já que os dados armazenados em seu armazenamento virtual podem ser replicados e transferidos para outro local. Ao consolidar seu armazenamento em um sistema centralizado, você pode eliminar as dificuldades e os custos de gerenciar vários dispositivos de armazenamento.

Integrar a virtualização em seu negócio pode ser um processo complexo e confuso. Idealmente você deve contar com a ajuda de especialistas para fazer o trabalho direito. Se você está procurando por soluções de virtualização de alta qualidade e confiabilidade, por que não entrar em contato com nossos profissionais hoje? Nós faremos da sua experiência de virtualização uma experiência rápida e sem problemas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.